segunda-feira, julho 09, 2007

ZITA SEABRA: É ASSIM

Zita Seabra apresentou em sociedade, no Quartel do Carmo, num corredor a abarrotar de gente, um livro de memórias da sua vida no Partido Comunista: Foi Assim.
Numa entrevista ao DN, a autora diz que muita gente não quer perceber que "o que está errado no comunismo são as ideias, não é a prática".
"Muitas vezes - diz Zita Seabra - as pessoas saem dos partidos comunistas e dizem: o que estava errado era a prática, as ideias eram boas. E procuram ficar com a herança boa. Mas quando se esteve num partido comunista em qualquer parte do mundo defendeu-se a ditadura do proletariado, defendeu-se a superioridade moral dos comunistas, defendeu-se a ditadura do proletariado, defendeu-se a propriedade colectiva dos meios de produção. Defendeu-se o que ainda hoje se passa em Cuba..."
É assim.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial