sábado, fevereiro 21, 2009

QUE FITA VAI HOJE? - DE UMA PONTA À OUTRA

Alan Parker outra vez - com o filme que consolidou a sua carreira americana: Fame (Fama, 1982), às 20.00, no TCM, um musical na linha de A Chorus Line que trasnformou a comédia musical e que se pode comparar hoje mesmo com um premiado exemplar da era "clássica", Um americano em Paris (An American in Paris, 1951), que não é dos meus favoritos nem como comédia musical nem entre os filmes de Vincente Minnelli, que dirigiu muito "artisticamente", mas é uma oportunidade de lembrar Oscar Levant, músico, actor, temperamento difícil, homem de muitos talentos talvez não devidamente reconhecidos - pelo menos ele achava - a quem The Bad and the Beautiful, a chronicle of Hollywood in the Fifties (Time Warner Paperbacks, [2002] 2003) um livro medíocremente escrito mas cheio de informações menores e interessantes, dedica um considerável número de páginas (RTP2, 22.45). (Foi Oscar Levant que disse: "Conheci a Doris Day no tempo em que ela ainda não era virgem!")
Hoje na RTP2 a noite é americana: a seguir torna a passar, pela segunda vez esta semana, E tudo o vento levou. Às 23.45, na RTP1, Kiss kiss, bang bang (2005) uma comédia "negra" (é uma comédia e um filme noir) de Shane Black, muito "referencial" e - para mim -divertida: o título é o de uma das compilações de críticas de cinema da famosa Pauline Kael, de The New Yorker, cada uma das partes do filme tem o título de um livro de Raymond Chandler, etc. Com Robert Downey, Jr. A incluir numa possível categoria em que se contariam The Usual Suspects, os filmes de gansgsters de Guy Ritchie, Há dias de azar e se calhar mais alguns outros que não me ocorrem de momento. A estudar.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial