domingo, novembro 19, 2006

Nostalgias 15: Barbarella 68


O ano de 68 foi um ano muito especial no Ocidente: teve a ver com Maio em Paris, com Marcuse, com a transição portuguesa em Setembro, com Nixon e a sua "Southern Strategy " a baterem Humphrey, em Novembro. Mas foi também o ano de Barbarella, de Jean-Claude Forrest, uma BD erótica novíssima e revolucionária, que Jane Fonda interpretou no cinema. Inesquecível.

2 Comentários:

Blogger c. disse...

O ano do Goldwater foi o de 64. Em 1968 foi o Nixon a bater o Humphrey (infelizmente com a Great Society já consolidada; pelo caminho houve o enterro quase definitivo dos rockfeller republicans e o principio da consolidação da southern strategy com as vitórias do Wallace no Deep South). E foi também o ano do assassinato do Luther King e do Rivers Blood Speech do Enoch Powell que mereceria, nos dias de hoje, ser recordado.

domingo, novembro 19, 2006 3:01:00 da manhã  
Blogger jaime nogueira pinto disse...

Agradeço a C. a sua correcção do lapso do ano da eleição que entretanto corrigi.Era já vivo e consciente nesse tempo e tenho escrito muito sobre "1964"como o ano de partida do "movimento conservador"nos Eua,depois da derrota de Goldwter.Estava a pensar na Barbarella em 1968.Nostalgias...Desculpe e obrigado

domingo, novembro 19, 2006 4:48:00 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial