terça-feira, janeiro 02, 2007

Bento XVI

Tenho a maior das simpatias e admiração por Sua Santidade o Papa Bento XVI. De facto, são diversos os seus actos e declarações que têm levado a que, um pouco por todo o lado, cresça o respeito pela sua obra e pela sua figura. Corajosamente, acaba agora de pôr o dedo na ferida ao comparar o aborto a outros crimes e declará-lo como uma "terrível violação" dos direitos humanos. Claro que já houve inúmeros protestos, mas estes não quebraram a determinação deste homem que não se cansa em denunciar a hipocrisia daqueles que defendendo o aborto se arvoram também em grandes defensores dos direitos humanos e das grandes causas humanitárias.

Bento XVI tem vindo, todos os dias, a cada hora que passa, a provar que é um dos melhores Papas dos últimos tempos. Há quem o acuse de rigidez, de não ser tão mediático como o seu antecessor ou de ser muito conservador. Eu, acho-o apenas extraordinário. Convido-vos a que nos juntemos às orações de tantos fiéis para que ele consiga unir de novo a Igreja, pondo fim, nomeadamente, à condenação de que foi vítima a Fraternidade São Pio X e deixando a Tradição ocupar de novo o seu lugar de pleno direito no seio da Igreja Católica. Que este novo ano marque também o regresso da Missa tradicional de rito latino-gregoriano.

P.S. - Para quem se interessa por este assunto, recomenda-se a leitura do excelente blog, "A Casa de Sarto".

1 Comentários:

Blogger O Corcunda disse...

Um excelente "post" e uma excelente recomendação...

quinta-feira, janeiro 04, 2007 12:34:00 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial