quinta-feira, abril 12, 2007

QUEM ENSINA?

"Filhos de licenciados têm dez vezes mais oportunidades" - é como o DN titula a toda a largura da primeira página uma peça sobre as conclusões de um estudo realizado pelo Centro de Investigação de Políticas do Ensino Superior. O estudo mostra que os antecedentes económicos e culturais são decisivos no acesso à universidade: em Medicina por exemplo, sete em cada dez alunos têm pais com estudos superiores. Isto e outras verificações desse estudo não mostram uma "diferença de oportunidades"; mostram uma diferença de aptidões, capacidades e propensões. A "igualdade de oportunidades" - mesmo para quem acredite nela e se alguém a conseguisse assegurar - nunca será o mesmo, claro, que a igualdade de resultados ou a igualdade de destinos. Mas custa a aceitar pelos doutrinários do igualitarismo - que, no limite, se os deixarem, tentarão sempre alinhar tudo pelo nível mais baixo - porque só isso está ao alcance da "engenharia social". (Há um conto futurista de Kurt Vonnegut em que, nas aulas de baile, as bailarinas mais gráceis e esbeltas são carregadas de pesos para que não ofusquem injustamente as mais pesadas e desajeitadas, nas escolas os alunos mais inteligentes são obrigados a usar óculos de forte graduação que os impeçam de estudar muito tempo sem terríveis dores de cabeça para não concorrerem deslealmente com os menos dotados, e assim por diante.)
Ficamos a saber também, entretanto, que "a maioria dos alunos que optam por cursos de educação e formação (professores) vêm de famílias só com o 1º ciclo". Não é só na miséria material que há um "ciclo infernal".

3 Comentários:

Blogger Deolinda disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

sexta-feira, abril 13, 2007 6:46:00 da tarde  
Blogger Deolinda disse...

Desculpe a intromissão desfasada do post correspondente mas seria ainda possível encontrar o número do Futuro Presente de 1990 alusivo ao Dr. Salazar? Onde posso procurar?

sexta-feira, abril 13, 2007 6:48:00 da tarde  
Blogger Miguel Freitas da Costa disse...

Está desculpada. Quanto à revista, acho que lhe posso arranjar um exemplar. A maneira mais prática é escrever para futuro.presente@hotmail.com indicando para onde se lhe pode enviar pelo correio.

terça-feira, abril 17, 2007 7:16:00 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial