quarta-feira, abril 26, 2006

Abril


Shakespeare fazia anos em Abril, no dia 23. Os ingleses assinalaram a data, como é natural. Num artigo do Daily Telegraph escreve-se que, como de costume, os jornais se queixaram em coro de que "as crianças das escolas já pouco conhecem a sua obra". No entanto, sublinha o articulista, "basta a qualquer pessoa de língua inglesa abrir a boca para quase sem falta estar a citar o seu maior escritor, tenha ou não consciência disso". E depois cita uma série de frases correntes em inglês que todas elas vêm do Bardo. O número de títulos de romances, poemas e expressões idiomáticas que na cultura anglo-saxónica têm a mesma procedência é realmente impressionante: basta começar a fazer uma lista dessas ocorrências, como já fiz, para ver que nunca mais acaba. Em Portugal passa-se um bocadinho o mesmo com Camões ou, hoje, Pessoa, mas não me parece que numa proporção comparável: nunca cultivámos o conhecimento e frequentação dos nossos grandes escritores e nos últimos trinta anos muito menos.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial